Notícia

G8 - FEIRA DE PROFISSÕES

quarta, 27 de junho de 2018
G-8 estimula e faculdades devem retomar a “Feira das Profissões”

Por entender que a “Feira das Profissões” é um ferramenta para o desenvolvimento econômico do município, o G-8 estimulou as instituições de ensino superior (IES) de Paranavaí a retomar a mostra. E três das quatro faculdades (uma delas não estava presente à reunião, mas deve aderir) já se dispuseram a conversar para retornar a realização destas feiras.

 

Este foi um dos principais assuntos da reunião do G-8, realizada na tarde desta terça-feira (26), na sede da Associação Comercial e Industrial de Paranavaí (ACIAP). A entidade, que atua informalmente, se reúne mensalmente para discutir opções de desenvolvimento econômico para Paranavaí. Participam a ACIAP, Sindicato Rural, Sociedade Rural do Noroeste do Paraná, Sindicato dos Contabilistas, Sindicato do Comércio Varejista, Associação de Microempresas de Paranavaí, OAB e Sebrae. Na última reunião participaram também os diretores do Instituto Federal do Paraná, campus local, José Barbosa Dias Júnior, da Unespar/Paranavaí, Edmar Bonfim de Oliveira, e da Fatecie, Daniel de Lima.

 

Os diretores relataram que a Feira não teve continuidade depois de algumas edições porque faltou transporte para os alunos. Sem esta estrutura, a Feira se inviabilizou. Nesta promoção, o transporte era uma atribuição da Prefeitura Municipal. Por isso, as faculdades vão se reunir em breve, até o final da próxima semana e marcar uma audiência com o prefeito Carlos Henrique Rossato Gomes (Delegado KIQ), com a secretária municipal de Educação, Adélia Paixão, e o chefe do Núcleo Regional de Educação, Pedro Baraldi, para tratar do assunto.

 

A ideia é que os jovens, conhecendo os cursos de graduação que estão à sua disposição e as possibilidades profissionais que cada um oferece, permaneçam na cidade e atraia os da região, fomentando a economia local e regional.

 

Os diretores das IES revelaram na reunião que há uma discussão para que Paranavaí ganhe o status de cidade universitária. Além do IF, Unespar e Fatecie, Paranavaí ainda tem a Unipar. Mas falta suporte, estrutura e sequer uma política para fixar aqui os docentes que vem da região para dar aula. Nem mesmo, o transporte coletivo é favorável. “Não há, por exemplo, linhas de ônibus que contemplem as faculdades”, comentou um dos diretores. Este assunto deverá fazer parte da pauta dos próximos encontros do G-8 e entre as próprias faculdades.

 

OUTROS ASSUNTOS - Na reunião desta terça-feira, o grupo aprovou a contratação de um profissional para fazer um projeto que permita a captação de recursos financeiros para financiar atividades e decorações no período natalino.

 

Também ficou acertado para os próximos dias visita a uma propriedade rural no Distrito de Santa Maria (Alto Paraná) que explora a suinocultura. Representantes das faculdades devem participar. A ideia do G-8 é que as instituições desenvolvam um projeto de viabilidade econômica para a implantação da suinocultura comercial na região.

 

O G-8 também definiu a realização de uma pauta comum para ser encaminhada aos candidatos a deputado e a governador. Aos candidatos à Câmara Federal e Assemblei Legislativa será solicitada a assinatura de compromisso com as demandas. Já aos candidatos a governador será pedida a inclusão das reivindicações em seus planos de governo.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Aciap